Menu principal
 

Conselho editorial

A coordenação da EDU-IFC será exercida por um servidor, eleito em reunião entre os conselhos editorial e nomeado pelo reitor(a). Art. 8° Compete ao coordenador da Editora IFC:

São membros do Conselho Editorial:

I. O pró-reitor ou um representante da Pró-Reitoria de Pesquisa, Inovação e Pós-Graduação;

II. O pró-reitor ou um representante da Pró-Reitoria de Extensão;

III. O pró-reitor ou um representante da Pró-Reitoria de Ensino;

IV. O coordenador da EDU-IFC, como secretário-executivo;

V. Preferencialmente, dois representantes para cada grande área do conhecimento, as quais deverão seguir as normas estabelecidas pela Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES), sendo um titular e outro suplente, a saber:

a) Ciências Exatas e da Terra;

b) Ciências Biológicas;

c) Engenharias;

d) Ciências da Saúde;

e) Ciências Agrárias;

f) Ciências Sociais Aplicadas;

g) Ciências Humanas;

h) Linguística, Letras e Artes.

O Conselho Editorial da EDU-IFC poderá ter membros externos ao IFC e será nomeado por portaria do reitor(a), a partir de lista constituída pelas Pró-Reitorias de Pesquisa, Ensino, Extensão e Pós-Graduação, após consulta à comunidade acadêmica.

O exercício da função de conselheiro do Conselho Editorial será considerado como atividade voluntária do servidor, sendo contabilizada em sua carga horária de trabalho e que deverá representar o máximo de 04 (quatro) horas semanais.

O membro do Conselho Editorial não poderá participar como editor-chefe, de seção ou equivalente em nenhum dos periódicos homologados, ou que esteja pleiteando homologação pela EDU-IFC.

O membro do Conselho Editorial não poderá participar como líder de grupo de pesquisa certificado, ou que esteja pleiteando certificação junto a Pró-Reitoria de Pesquisa do IFC.

Deverá ser embasada em sua atuação e produção acadêmico-científica na área para a qual for indicado, a partir da análise de seu currículo cadastrado na Plataforma Lattes do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq), referente às publicações dos últimos 05 (cinco) anos.

Compete ao Conselho Editorial:

I. Zelar pela missão e princípios da EDU-IFC;

II. Propor a política editorial da EDU-IFC;

III. Analisar e selecionar obras para publicação;

IV. Estabelecer normas para as publicações e critérios para pagamento de direitos autorais;

V. Regulamentar, propor e autorizar as diretrizes para o estabelecimento de contratos em coedição com autores, editoras e/ou instituições de ensino superior, públicas ou privadas, visando publicações conjuntas;

VI. Indicar especialistas integrantes ou não do IFC para a avaliação dos trabalhos submetidos à EDU-IFC;

VII. Criar comissões para finalidades editoriais específicas e para regulamentação das atividades dos especialistas integrantes ou não do IFC, quanto aos critérios de escolha, prazos para devolutiva de avaliação, remuneração pelos serviços prestados;

VIII. Emitir parecer sobre o orçamento anual destinado à EDU-IFC;

IX. Articular uma política de vendas dos produtos editoriais;

X. Planejar e promover lançamentos dos produtos editoriais;

XI. Articular o relacionamento da editora com os segmentos e órgãos internos do IFC;

XII. Responsabilizar-se pela execução e acompanhamento dos processos de edição, publicação e veiculação dos livros e periódicos científicos recomendados pelo Conselho Editorial e aprovados pela Reitoria;

XIII. Apoiar processos licitatórios e acompanhar cronogramas dos processos de impressão, acabamento, divulgação, lançamento, distribuição, circulação e comercialização das obras recomendadas pelo Conselho Editorial e Reitoria;

XIV. Emitir relatórios sobre o desempenho da editora;

XV. Elaborar catálogo editorial;

XVI. Autorizar doações e permutas de obras.

O Conselho Editorial se reunirá ordinariamente a cada 03 (três) meses, ou extraordinariamente quando convocado pelo seu presidente, ou pela maioria de seus membros.

As reuniões extraordinárias serão convocadas pelo Presidente de sua iniciativa ou a requerimento da maioria dos seus membros, indicados os motivos da convocação.

A convocação pela maioria dos membros será requerida ao Presidente, que a determinará no prazo de 24 (vinte e quatro) horas após a apresentação do requerimento.

A convocação dos membros do Conselho Editorial deverá ocorrer em um prazo mínimo de 15 dias e máximo de 30 (trinta) dias da data de convocação.

Nas reuniões extraordinárias somente serão discutidos e votados os assuntos que motivarem a convocação, sendo nula qualquer decisão que contrariar esta disposição.

O Conselho Editorial se instala com 50% (cinquenta por cento) mais 1 (um) de conselheiros e decide por maioria simples.

As votações do Conselho Editorial serão abertas, cabendo a seu presidente o voto de desempate.

Nos impedimentos do presidente do Conselho Editorial, as reuniões serão presididas pelo Coordenador da EDU-IFC.

Quando a reunião for presidida pelo Coordenador da Editora, será designado um membro para secretariá-la.

Compete aos membros do Conselho Editorial:

I. Comparecer às reuniões e participar dos trabalhos do Conselho Editorial;

II. Emitir, quando designado, relatório e parecer sobre os trabalhos encaminhados à EDU-IFC;

III. Solicitar, quando julgar conveniente, a designação de especialista para a apreciação do trabalho que deve relatar;

IV. Votar nas deliberações sobre os pareceres dos relatores e sobre as demais matérias da competência do Conselho Editorial.

Perderá o mandato de conselheiro aquele que:

I. Faltar, sem motivo justificado, a duas reuniões consecutivas ou a três reuniões intercaladas durante o período de um ano;

II. Se afastar de suas atividades regulares no IFC;

III. Vir a se tornar editor-chefe, de seção ou equivalente em um dos periódicos homologados, ou que esteja pleiteando homologação pela EDU-IFC;

O conselheiro que não puder comparecer à reunião deverá comunicar antecipadamente ao Secretário do Conselho Editorial.

Informações baseadas no Regimento da Editora Universitária do Instituto Federal Catarinense (EDU-IFC), localizado aqui.

Integrantes do conselho*:

Claudecir Alberto Schenkel
Instituto Federal Catarinense

Fernando José Garbuio
Instituto Federal Catarinense

Josefa Surek de Souza
Instituto Federal Catarinense

Coordenador da Editora: Eduardo Augusto Werneck Ribeiro

Instituto Federal Catarinense

Setor de Administração: Kátia Linhaus de Oliveira

Instituto Federal Catarinense

* Baseado na portaria nº 1.119/2017, de 26 de abril de 2017. Localizada aqui.